15 novembro 2006

As compras públicas e a promoção dos ODM

No processo das compras públicas, um importante critério na avaliação dos fornecedores deverá ser o compromisso dos mesmos com o desenvolvimento social e ambiental. Ao assumir esta função, as instituições públicas promovem também activamente a educação para o desenvolvimento.

O ICLEI - Local Governments for Sustainability lançou recentemente o guia “BUY FAIR - A Guide to the public purchasing of Fair Trade products”, uma edição que promove a aquisição de produtos de comércio justo pelas entidades públicas. O Guia dá às entidades públicas conselhos simples para a aquisição de produtos de comércio justo e contém: uma introdução ao conceito de comércio justo, algumas sugestões sobre os processos administrativos de aquisição destes produtos e ainda casos de boas práticas, entre outras informações úteis. O Guia contém ainda a mais recente Resolução do Parlamento Europeu sobre Comércio Justo e Desenvolvimento.
Aceda ao Guia
BUY FAIR.

Também a União Europeia faculta uma guia para as compras públicas ambientalmente orientadas. Aceda ao
Buying green! - A handbook on environmental public procurement.

Fontes:
http://www.agenda21local.info

http://www.ifat.org
http://www.iclei-europe.org
http://www.compras.gov.pt
http://www.european-fair-trade-association.org

1 Comments:

At 10:54 da manhã, Anonymous pleitao said...

Seria muito bom que os consumidores fizessem um esforco para comprar "justo" e "verde".

Infelizmente, as pressões do sistema são cada vez maiores e é cada vez mais conveniente ir a um hipermercado ou grande centro comercial comprar "multi-nacional"!

Torna-se de facto difícil, por vezes (mais) dispendioso, e sem dúvida mais demorado procurar os produtos (e as lojas) "verdes".

Assim, por muito "boa vontade" que haja dos políticos da UE, se os agentes económicos e suas infra-estruturas não for alterada, ete tipo de recomendações bem pode ficar pelas boas intenções...

Em todo o caso, cabe-nos a nós fazer o esforço e consumir "ético"!!

Quantos de vós o fazem?

 

Enviar um comentário

<< Home